Notícias

Como é o processo de dedetizqção

A dedetização é o método mais eficaz e seguro para combater diversas pragas que infestam a nossa casa. O processo pode ser realizado de três maneiras: pulverização, aplicação de gel e pó químico. A escolha do tipo de dedetização a ser feita depende do inseto a ser combatido.

No entanto, para dedetizar um ambiente é preciso muita precaução. Não é nada seguro fazer o trabalho por conta própria, nem sair contratando a primeira empresa que aparece. Para evitar qualquer risco de intoxicação, é fundamental contratar apenas dedetizadoras autorizadas pela Vigilância Sanitária, pois elas passam por constantes cursos de aperfeiçoamento e reciclagem que reduzem praticamente a zero as chances de intoxicação para pessoas e animais domésticos.

 

Por que fazer dedetização

Dedetização é o processo que assegura a higiene dos ambientes e garante o bem estar das pessoas que frequentam estes locais: casas, prédios, restaurantes, hospitais, lojas, supermercados, entre outros. Por meio da dedetização é possível manter os grandes centros urbanos livres de pragas que são perniciosas para a saúde humana.

A convivência do homem com insetos sempre causou ansiedade e aversão. São muitas as pragas urbanas que aprenderam a viver no mesmo ambiente dos humanos, se alimentando de seus restos de comida e de alimentos deixados expostos ou pouco protegidos. Além dessa desagradável competição, as chamadas pragas urbanas também estão associadas a diversas doenças que afetam diretamente o homem.

Quando fazemos dedetização é preciso sair do local?

Quando realizamos um serviço de pulverização é necessário que as pessoas se ausentem da residência por um período mínimo de 4 horas. Quando aplicamos géis – baraticida ou formicida – não é preciso que as pessoas saiam do local. Da mesma forma, na desratização e na limpeza de caixas d´água não há necessidade que ninguém se retire do ambiente.

Quanto tempo após a aplicação posso voltar para a casa?

Em condições normais, após 4 horas as pessoas já podem retornar ao local. Em locais onde existirem crianças abaixo de 2 anos, idosos acima de 65 anos e animais de estimação, é necessário que as pessoas fiquem ausentes por 8 horas. Algumas raças de cachorros são mais sensíveis aos produtos químicos e orientamos que estes permaneçam fora de casa durante 48 horas.

Verão: mais procura por dedetização

Os períodos mais quentes do ano, como a primavera e o verão, favorecem o aparecimento das pragas e o processo de eliminação deve ser intensificado nesta fase.

De forma geral, insetos, ratos e demais pragas migram para locais de grande densidade urbana à procura de alimento e abrigo. Muitas vezes essa busca é facilitada pelo próprio homem, quando, de forma equivocada, deixa os ambientes sujos ao depositarem lixo em locais inapropriados.

A atuação dessas pragas transmite uma infinidade de problemas para a saúde humana. Entre as principais doenças estão a leptospirose, a dengue, febre amarela, intoxicações que, em alguns casos, pode até levar ao óbito.

Tipos de dedetização

1 – Pulverização ou Aspersão

Na dedetização com pulverização é feita a aspersão de um inseticida que é emulsionado em uma solução líquida. O inseticida tem um odor de nível fraco e grau tóxico reduzido. Esse procedimento atua de forma combativa diante de baratas (especialmente as da espécie Periplaneta Americana), pulgas, aranhas, escorpiões, traças, escorpiões, carrapatos, entre outros insetos.

A pulverização tem efeito residual (por um tempo prolongado) e desalojante (obriga o inseto a abandonar o seu esconderijo), sendo assim, bastante eficiente. Além disso, possui o efeito “Knockdown”, ou seja, elimina a praga de forma imediata, evitando que o inseto ou animal possa perambular pelo local da dedetização. Essa é considerada uma das mais antigas e comuns técnicas de dedetização.

2 – Aplicação de pó químico (Polvilhamento)

O procedimento de dedetização conhecido como polvilhamento é realizado com a aplicação de um inseticida que tem a consistência de um pó. O produto possui odor e nível tóxico reduzido. Além disso, o seu efeito na praga é residual.
De uma forma geral, o polvilhamento é bastante eficaz em locais como esgoto e dutos de água, pois combate as baratas que se proliferam nesses lugares, especialmente a barata Periplaneta Americana.

3 – Gel inseticida

Em determinados casos, o método com aplicação de gel pode ser efetuado por meio de uma pistola especial ou uma seringa.
É um processo sem odor, de caráter residual e atua nas pragas após a ingestão direta ou indireta. A aplicação em gel é indicada no combate a várias espécies de formiga, bem como baratas, especialmente as da espécie Blatella Germanica.

Que tal nos contatar agora mesmo e garantir a maior proteção contra as pragas urbanas e COVID 19 em seu lar, comércio ou industria.

Não espere mais…. falta pouco, envie seus dados que entraremos em contato!

Faça seu orçamento agora mesmo!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

× Como posso te ajudar?